Lançado pelo selo Columbia Records em 1959, “Time Out” fora uma verdadeira inovação no mundo do Jazz. Conhecido por muitos como o pioneiro

no uso de compasso inusitados que fugiam dos padrões convencionais da época, compassos inusitados como a valsa e o 9/8.

The Dave Brubeck Quartet foi o quarteto formado pelo metre do piano Dave Brubeck, porém nessa parceria contou com os brilhantes músicos Paul Desmond (Saxofonista), Eugene Wright (Contrabaixista) e Joe Morello (Baterista). “Time Out” apesar de ter sido algo experimental, se tornou rapidamente um dos álbuns mais vendidos e famosos de todos os tempos, e chegou ao número dois na lista dos álbuns pop da revista norte americana Billboard.

Um álbum muito interessante em seu tema ( Titulo), Time Out significa nessa produção, os compassos incomuns por eles praticados, e as ideias desses compassos são exploradas de forma bastante cirúrgica pelo quarteto nesse disco .

1291655019-dave-brubeckO compasso clássico do Jazz é o famoso 4/4 porém na faixa inicial “Blue Rondo A La Turk” começa com um compasso 9/8 (o ritmo da marcha turca ou zeybek, equivalente ao zeibekiko grego), isso fora totalmente pensado pois a inspiração do titulo desta faixa remete à “Rondo alla Turca” da Piano Sonata No. 11 de Mozart.
Um álbum realmente inovador, onde cem por cento das musicas possuem estilos próprios e técnicas de uma sofisticação muito alta. De fato uma referencia para o cenário musical do Jazz, onde vale muito a pena conferir de perto esta obra de arte.

Curiosidade: “Time Out”  está presente na maioria das Top 10 listas de melhores álbuns de Jazz de todos os tempos. Muitos críticos ficam indecisos entre ele e seus concorrentes diretos  “A Love Supreme” do John Coltrane ou King of Blue do Miles Davis.

Faixas

1 – Blue Rondo A La Turk
2 – Strange Meadow Lark
3 – Take Five
4 – Three To Get Ready
5 – Kathy’s Waltz
6 – Everybody’s Jumpin
7 – Pick Up Sticks

The Dave Brubeck Quartet -Time Out (1959)