The Byrds foi uma das bandas de maior sucesso dos anos 60 nos EUA. (perdendo apenas para os Beatles). No lançamento dos dois primeiros álbuns, eles se apoiaram nas composições de Bob Dylan. Mas com a saída de Gene Clark, líder da banda, David Crosby e Jim McGuinn deixaram de lado o folk rock por um momento e partem para o psicodelismo que tomava conta no final dos anos 60.

The_Byrds_in_1965

No álbum há vários diamantes que muitos nem conhecem. “Eight Miles High” é uma obra prima do psicodelismo, o trabalho vocal é exigido de uma maneira limpa, que mostra a suavidade que poderiam ter. Essa canção é lembrada como uma das principais do Verão do Amor (conjunto de manifestações, que buscavam a paz e o amor no mundo, ocorreu em 1967).

“Oito quilômetros de altura e quando você toca baixo
Você verá que é mais estranho do que conhecida
Sinais na rua que dizem onde você está indo”

Letra Eight Miles High

Outro diamante é “Mr. Spaceman”, algo muito vivo naqueles tempos, o espaço estava sendo descoberto, criaturas da noite e o desconhecido à tona. Aqui no Brasil essa canção recebeu uma versão chamada “S.O.S.” do Raul Seixas. “Fifth Dimension” e “Wild Mountain Thyme” ainda lembram as canções dos álbuns anteriores, com uma pegada de folk rock, sendo que a primeira foi ligada ao consumo de LSD. “I See You” é o som mais metálico e a letra tem características ao que se pensava sobre a paz naquele momento, onde ela estava? Crosby uma vez disse que essa música mostrava o distanciamento que eles conseguiram de Gene Clark.

“Eu venho e paro frente a cada porta
Mas ninguém escuta minha prece silenciosa
Eu bato à porta e permaneço sem ser visto
Pois eu estou morto, pois eu estou morto
Eu possuo apenas sete anos, embora tenha morrido”

Letra I Come & Stand At Every Door

“I Come And Stand At Every Door” é a canção mais melancólica, com uma letra de desespero e busca pela esperança, ela se mostra mais emocional. “Captain Soul” é folk, o verdadeiro folk sessentista. Também a regravação de Jimi Hendrix “Hey Joe”.

 

Esse álbum foi inspiração para outros, que queriam algo novo e estavam com medo. Mostrar que uma banda com renome que tinha o The Byrds, poderia sair do conforto do sucesso para buscar o que realmente a banda queria. A perda de um líder, também foi um desafio, com isso também abriu espaço para novos líderes como Jim e Crosby.

Contra capa do LP

Não houve nenhum single que alcançou o topo das paradas americanas, mas isso também não é requisito para saber se a canção é boa ou não. Na capa o interessante foi a primeira aparição do mosaico psicodélico da palavra The Byrds. A canção “Eight Miles High” fez parte da trilha sonora do filme “Forrest Gump”.

 

Descrevo esse álbum como “único, moderno para sua época e em busca da perfeição, mesmo com as letras descontroladas”.

 

Faixas

01 – 5D (Fifth Dimension)
02 – Wild Mountain Thyme
03 – Mr. Spaceman
04 – I See You
05 – What’s Happening?!?!
05 – I Come and Stand at Every Door
06 – Eight Miles High
07 – Hey Joe (Where You Gonna Go)
08 – Captain Soul
09 – John Riley
10 – 2-4-2 Fox Trot (The Lear Jet Song)