De longe, o álbum mais bem produzido da história do soul/funk e R&B do mundo. Lançado em 1977 pelo grupo americano de Earth, Wind & Fire, o All ‘n All foi um dos trabalhos mais vendidos do grupo, se não o mais. Disco completamente responsável por influenciar gerações do estilo. Uma verdadeira referência.

Em um momento, quando achavam que não poderiam mais inovar no estilo soul music, eis que o brilhante Maurice White e seu incrível grupo fazem algo que fora completamente um divisor de águas, para o grupo e para o mundo.

Álbum com incontáveis clássicos, entre eles o single ”Serpentine Fire”, que foi número 1 dos tops R&B da revista Billboard em dois anos consecutivos (77 e 78). A canção foi escrita pelos membros fundadores da banda Maurice White e Verdine White , em colaboração com Reginald Sonny Burke.

Maurice disse certa vez: “naquele tempo em nossa carreira, estava estudando um monte de metafísica e um monte de filosofia oriental, e isso foi trivial para criação da canção ‘Serpentine Fire’”.

Outros grandes clássicos como “Fantasy” , “Jupiter” , “Love’s Holiday”, “Magic Mind” e “Be Ever Wonderful”, fazem desse álbum certamente o melhor de todos em minha humilde opinião.

Além de clássicos incríveis, há duas músicas de brasileiros regravadas pelo grupo. Esses singles são “Beijo” do grande Toninho Horta e “Ponta de Areia” do nosso querido Milton Nascimento.

Um álbum cheio de emoções, qualidade sonora e arranjos incríveis. A arte da capa é uma alusão às pirâmides do antigo Egito.

Faixas:
1 – Serpentine Fire
2 – Fantasy
3 – In the Marketplace
4 – Jupiter
5 – Love’s Holiday
6 – Brazilian Rhyme (Beijo)
7 – I’ll Write a Song For You
8 – Magic Mind